Mil famílias já contam com aquecedores solares da CEB

ECONOMIA DE ENERGIA - O chuveiro elétrico é o maior vilão das contas de luz. A fim de ajudar as famílias a diminuírem o consumo, o projeto Agente CEB está instalando, gratuitamente, aquecedores solares em localidades de baixa renda. Mil equipamentos, dos dois mil previstos até o final do ano, já foram instalados em 6 cidades dos Distrito Federal: Brazlândia, Ceilândia, Samambaia, Sobradinho, Paranoá e Riacho Fundo II.

 
O Agente CEB faz parte do Programa de Eficiência Energética (PEE) da CEB Distribuição (CEB-D) cujo objetivo é promover a adoção de medidas para o uso racional de energia. Além de aquecedores, a CEB-D faz a substituição de refrigeradores velhos e ineficientes por equipamentos novos. Lâmpadas incandescentes e fluorescentes são trocadas por LED’S, bem mais econômicas.
 
Apenas no Riacho Fundo II, o Agente CEB instalou 300 aquecedores. Moradores beneficiados alimentam a expectativa pela redução na conta de energia. “Vai reduzir bastante, tenho certeza, pois desde que instalaram esse aquecedor, nunca mais utilizamos o chuveiro ligado á energia”, disse Valdeir Fernandes Lopes, um dos moradores das quadras.
 
 
O chuveiro elétrico representa, em média, 30% dos gastos domésticos com energia elétrica.  Para se ter uma ideia da economia proporcionada por um aquecedor, se uma família utiliza o chuveiro para 6 banhos diários de 8 minutos cada, a economia estimada é de 806kWh por ano. Levando em consideração que a maior parte dos clientes da CEB se encontram na faixa de consumo de 200kWh é como se uma família ficasse quatro meses sem conta de luz. 
 
Alessandra Pereira, também beneficiada pelo Agente CEB no Riacho Fundo II, elogia o projeto. “É muito bom, a CEB está de parabéns! Diminuindo a conta das pessoas mais humildes, melhora”, declara.
 
 
 
Mais:
Os aquecedores e o serviço de instalação são doados pela CEB. A seleção das residências é realizada por meio de visitas de campo dos agentes do programa, que verificam as condições estruturais das casas para instalação da placa de captação da luz solar e do reservatório térmico (onde a água aquecida fica armazenada). 
 
O equipamento tem capacidade para aquecer 200 litros de água utilizando apenas a luz solar. A meta do Agente CEB é instalar de 2 mil aquecedores solares em localidades de baixa renda do Distrito Federal.  
 
O Agente CEB é um Programa de Eficiência Energética (PEE) regulado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL). O recurso para o investimento é previsto na Lei Federal Nº 9.991, de 24/07/2000, que determina, às distribuidoras de energia, investirem, no mínimo, 0,5% de sua receita operacional líquida anual em ações que tenham por objetivo o combate ao desperdício de energia elétrica. 
 
Aquecedores instalados em casas populares no Riacho Fundo II. 
 
 


Voltar