Usar a energia de forma racional traz diversos benefícios, tanto para você quanto para o meio ambiente. Você economiza e paga menos na conta de luz. No lado ambiental, reduz a necessidade de fazer obras para acompanhar o aumento da demanda por energia, como construção de usinas, de subestações e de linhas de transmissão e distribuição, que são empreendimentos que trazem um impacto ambiental significativo.

 

Utilize sempre que possível equipamentos eficientes.O melhor é que para usar a energia de modo adequado não é difícil, basta tomar algumas atitudes inteligentes, como as que colocamos aqui para vocês. Seja inteligente, economize energia. Veja aqui algumas dicas que preparamos:

 

Compre equipamentos eficientes: ao comprar um equipamento, dê preferência aos que possuem o selo de eficiência do INMETRO/PROCEL. Isto garante que os mesmos possuem maior rendimento e, consequentemente, menor consumo de energia elétrica.

 

Utilize algumas soluções criativas que podem ajudar na redução do seu consumo de energia ao projetar sua residência ou ambientes de trabalho. Projete os ambientes aproveitando o máximo de luz e ventilação natural, pintando o teto e as paredes com cores claras e garantindo ampla circulação de ar. Os circuitos elétricos devem ser bem dimensionados para evitar aquecimento dos cabos e danos em equipamentos.

 

Confira abaixo, dicas de economia de energia de acordo com cada equipamento:

 

  • Nos dias quentes, coloque o chuveiro na posição Verão. Assim, o consumo será cerca de 30% menor.
  • Deixe o chuveiro ligado apenas o tempo necessário. Banhos demorados custam muito caro.

 

  • Instale o aparelho em local com boa circulação de ar.
  • Mantenha portas e janelas fechadas, evitando assim a entrada de ar do ambiente externo.
  • Limpe sempre os filtros. A sujeira impede a livre circulação do ar e força o aparelho a trabalhar mais.

 

  • Evite acender lâmpadas durante o dia. Aproveite a luz natural. Abra as janelas, cortinas, persianas e deixe a luz do dia iluminar sua casa.
  • Sempre apague as lâmpadas dos ambientes desocupados.
  • Dê preferência às lâmpadas de LED. Elas consomem, em média, 50% menos de energia elétrica e duram cerca de cinco vezes mais quando comparadas às lâmpadas fluorescentes.
  • Utilize o sensor de presença em áreas de pouca circulação.

 

 

  • Desligue a TV quando ninguém estiver assistindo.
  • Não deixe o aparelho ligado enquanto estiver dormindo. Utilize a função timer ou sleep de desligamento automático.
  • Escolha televisores mais modernos (LED, LCD). Estes são mais eficientes e, portanto, consomem menos energia.
  • Não deixe equipamentos eletrônicos (celulares, notebooks, câmeras) ‘dormirem’ carregando.
  • Gerencie o uso do Standby. Sempre que for passar longos períodos fora de casa, desligue os aparelhos das tomadas.

  

  • Instale a geladeira em local bem ventilado, não encostando em paredes ou móveis, longe de raios solares e fontes de calor, como fogões e estufas.
  • Nunca utilize a parte traseira da geladeira para secar panos ou roupas.
  • Nunca coloque alimentos quentes ou recipientes com líquidos destampados no seu eletrodoméstico. Isso exigirá um esforço maior do motor.
  • Degele e limpe a geladeira com frequência.
  • Não esqueça de manter as borrachas de vedação da porta em bom estado.
  • Guarde ou retire alimentos e bebidas de uma só vez. Assim, você não abrirá a porta da geladeira sem necessidade.

 

  • Acumule o maior número de peças de roupa para passá-las de de uma só vez.Acumule o maior número de peças de roupa. Assim, você liga o ferro o mínimo de vezes possível.
  • Comece a passar a roupa sempre pelos tecidos que exigem temperaturas mais baixas. Ferros automáticos têm indicadores de temperatura para cada tipo de tecido.
  • Sempre que você precisar interromper o serviço, não esqueça de desligar o ferro. Você poupa energia e evita o risco de acidentes.

 

        •  Para fazer economia de energia e de água, procure lavar, de uma só vez, a quantidade máxima de roupa indicada pelo fabricante.

 


       

       



Voltar